Receba 10%OFF em sua primeira compra com o cupom "PLENA10"

Receba 10%OFF em sua primeira compra com o cupom "PLENA10"

8 Sintomas da menopausa: Como identificar os sinais

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Você sabe quais são os sintomas da menopausa? Com a redução hormonal nas mulheres acima de 45 anos, é comum que várias modificações físicas e emocionais surjam.

Esses sinais são os primeiros sintomas da menopausa e indicam que a progesterona e o estrogênio estão sendo produzidos em menor quantidade pelos ovários.

Essas alterações hormonais afetam o sistema reprodutivo, o sistema nervoso central e outros órgãos do corpo, resultando em sintomas variados.

Cada mulher pode ter uma experiência única da menopausa, com sintomas e intensidades variáveis. Algumas mulheres podem passar pela menopausa sem apresentar sintomas significativos, enquanto outras podem enfrentar incômodos consideráveis.

Se você estiver passando por mudanças em seu ciclo menstrual ou estiver experimentando sintomas relacionados à menopausa, é aconselhável buscar orientação médica para obter um diagnóstico adequado e discutir opções de tratamento, se necessário.

Quais são os sintomas da menopausa

Existem dezenas de sintomas que estão relacionados com a menopausa, por isso, assim que a mulher identificar uma mudança significativa em seu corpo ou mente, deve procurar um médico.

Os sintomas da menopausa mais comuns são:

  • Irregularidades menstruais – Os ciclos menstruais podem se tornar mais curtos, mais longos, mais leves, mais intensos ou completamente irregulares.
  • Fogachos – As ondas de calor são os sintomas mais comuns, trata-se de uma sensação repentina de calor que irradia pelo corpo, muitas vezes acompanhada de sudorese e vermelhidão na pele.
  • Suores noturnos – São episódios de sudorese intensa durante o sono, que podem causar desconforto e interrupção do sono.
  • Distúrbios do sono – Há outros sinais no sono que são considerados sintomas da menopausa, entre eles a insônia, despertares frequentes ou sono fragmentado.
  • Mudanças de humor – As flutuações hormonais podem causar alterações de humor, irritabilidade, ansiedade, tristeza e até depressão em algumas mulheres.
  • Secura vaginal – A diminuição dos níveis de estrogênio pode resultar em ressecamento e irritação vaginal, tornando as relações sexuais desconfortáveis ou dolorosas.
  • Alterações no peso corporal – Durante a menopausa, muitas mulheres notam uma redistribuição da gordura corporal, com aumento da gordura abdominal. Isso pode levar ao ganho de peso ou dificultar a perda de peso.
  • Alterações na pele e nos cabelos – Os hormônios produzidos nos ovários também estão associados a pele e cabelos, assim, com a chegada da menopausa a pele pode ficar mais seca e perder elasticidade, e os cabelos podem se tornar mais finos e quebradiços.

Esses não são os únicos sintomas, até porque, cada mulher é única e passará por esta etapa apresentando sinais diferentes. O mesmo acontece com a intensidade, algumas mulheres podem ter fogachos fortes, outras sensações leves de calor.

De qualquer forma, esses sinais indicam a entrada no climatério, período este que indica o fim da vida fértil da mulher. Dentro deste tempo temos a perimenopausa, a menopausa e a pós menopausa.

O climatério tem início por volta dos 40 anos e se estende até os 65 anos. Só é caracterizado como menopausa o período após 12 meses sem menstruação.

11 áreas que sofrem mudanças com a chegada da menopausa

Os sintomas da menopausa são percebidos em várias áreas do corpo, mas também refletem nas emoções.

Podemos dividir essas alterações em 11 áreas:

  1. Temperatura corporal
  2. Sistema reprodutor
  3. Sistema urinário
  4. Sistema ósseo
  5. Sistema muscular
  6. Pele
  7. Cabelo
  8. Sistema cardiovascular
  9. Sistema gastrointestinal
  10. Sistema respiratório
  11. Saúde mental

Há alguns sintomas da menopausa que são menos comuns, mas também tem relação com as mudanças hormonais, como a falta de ar. Vômitos, azias, aumento dos gases, constipação, diarreia, palpitações no peito, aumento do colesterol, aumento da acne, cabelos secos, queda de cabelo, osteoporose, dores articulares, dor ao urinar, entre outros.

Talvez você tenha notado vários desses sinais no seu corpo nos últimos tempos e não tenha feito a associação com a menopausa.

Porém, é importante procurar um médico, ginecologista ou endocrinologista, para que os exames hormonais sejam feitos a ponto de confirmar se você está ou não na menopausa.

O tratamento será indicado de acordo com os sintomas que mais te incomodam. Não existe cura para a menopausa, mas os tratamentos – hormonais ou não – são indicados para reduzir esses sintomas e melhorar a qualidade de vida.

E por falar em qualidade de vida, há muitos benefícios encontrados na mudança de estilo de vida, com uma alimentação balanceada, prática de exercícios físicos e a suplementação. Quer saber mais? Conheça os produtos da PlenaPausa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − cinco =

Veja também:

Carrinho de compras

Entrar

Ainda não tem conta?

Comece a digitar para ver os produtos que procura.